EPE participa do 2º dia do ENASE Gás 2019

EPE participa do 2º dia do ENASE 2019 no setor do Gás, principal evento político regulatório do seguimento. O ENASE Gás tem como tema principal o "Novo Mercado de Gás no Brasil", assunto em voga entre os agentes e o governo para criação de um novo marco legal para o setor.

O diretor de Estudos de Energia Elétrica da EPE, Erik Rego, foi convidado para palestrar no primeiro painel do segundo dia do encontro, que acontece nesta quinta, 29 de agosto. O tema é a Integração do Setor Elétrico e Industrial, que será moderado pelo presidente da PSR, Luiz Augusto Barroso, e terá como debatedores Xisto Vieira Filho (Abraget), Camila Schoti (Canal Energia) e Luiz Eduardo Barata (NOS).

enasegas2.jpg

O objetivo deste painel é abordar as expectativas e resultados do Sistema Interligado Nacional e o equilíbrio entre as fontes renováveis variáveis. "As nossas expectativas quanto aos resultados do Novo Mercado de Gás vão interferir na expansão do planejamento. A expectativa é de maior oferta de gás e de gás nacional, então de que forma essa nova oferta (de gás) pode afetar o equilíbrio e a competitividade relativa entre térmicos e a expansão do sistema?". Apontou Erik Rego.

enasegas.jpg

Na parte da tarde, o diretor Erik Rego (EPE) também irá palestrar no setor Elétrico, no painel sobre Planejamento e Evolução da Matriz – Sustentabilidade da Expansão. E o diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, José Mauro Ferreira Coelho participará como palestrante também na parte da tarde no painel do setor do Gás, sobre o tema Transporte.

Este novo modelo do ENASE, que congrega palestras do setor Elétrico e do Gás, reuniu aproximadamente 1500 pessoas nos dois dias de evento. A EPE parabeniza a nova proposta e os resultados positivos.


Notícias Relacionadas

Facilitar atração de investimentos no setor energético é o foco de acordo assinado entre ApexBrasil e EPE

18/11/2022 - No momento em que todos os olhares se voltam para as discussões ambientais e questões relacionadas a segurança e transição energéticas combinadas com a necessidade de segurança energética, o Brasil dá mais um passo para o aperfeiçoamento de seu sistema, que foi destino de cerca de 38% dos investimentos estrangeiros entre 2019 e 2021. Com o objetivo de ampliar os esforços conjuntos de atração de investimentos investimentos estrangeiros para impulsionar o setor de energia nacional, a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) assinou na tarde do dia 9/11 um protocolo de intenções com a Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

EPE participa de encontro nacional de consumidores de energia

10/11/2022 - No sentido de estreitar o diálogo com os consumidores de todas as regiões do país a respeito da visão de planejamento do setor elétrico, a EPE participou do XXII Encontro Nacional de Conselhos de Consumidores de Energia Elétrica, realizado nos dias 7 e 8 de novembro em Recife, Pernambuco.

EPE publica séries históricas de investimentos em energia elétrica

09/11/2022 - Diante da relevância de avanços frequentes no mapeamento, estruturação e ampla divulgação de dados e informações do setor de energia elétrica, a EPE publica consolidação do histórico de investimentos no setor de energia elétrica, considerando os segmentos de distribuição; mini e microgeração distribuída; pesquisa, desenvolvimento & inovação; eficiência energética; transmissão; e geração de energia centralizada.

Resenha Mensal: o consumo nacional de energia elétrica, em setembro de 2022, ficou estável (+0,2%) em comparação com mesmo mês de 2021.

31/10/2022 - O consumo nacional de energia elétrica foi de 42.040 GWh, em setembro de 2022, estável (+0,2%) em comparação com mesmo mês de 2021. Indústria (+1,8%) e comércio (+1,6%) registram expansão no consumo de eletricidade na comparação interanual, enquanto o consumo das residências e outros consumos retraíram no mesmo período. No acumulado em 12 meses o consumo nacional registrou 507.355 GWh, alta de 1,1% em comparação ao período imediatamente anterior.

EPE recebe delegação da Dinamarca

28/10/2022 - No âmbito do Memorando de Entendimentos assinado entre Brasil e Dinamarca em 2021, com foco em fontes renováveis e transição energética, a EPE recebeu nesta quinta-feira a delegação composta por membros da Agência Dinamarquesa de Energia, do Consulado e da Embaixada da Dinamarca no Brasil.