Resenha Mensal: O consumo de energia elétrica no Brasil em outubro de 2020 apresentou avanço de 3,5% em relação ao mesmo mês de 2019.

O consumo de energia elétrica no Brasil em outubro de 2020 totalizou 42.426 GWh, representando avanço de 3,5% em relação ao mesmo mês de 2019. Trata-se do terceiro avanço consecutivo em 2020, com a maior taxa mensal, desde fevereiro de 2019, e maior consumo total mensal da série histórica, iniciada em 2004. Já o consumo acumulado em 12 meses alcançou 473.774 GWh, demonstrando uma variação negativa de 1,2%, entretanto uma queda mais suave do que a anotada em setembro.

Pelo quarto mês consecutivo a classe residencial (+9,3%) tem crescimento elevado e segue puxando a demanda nacional de eletricidade em outubro, acompanhada pela classe industrial (+4,9%). Enquanto as residências registraram o maior consumo da série histórica e a maior taxa de variação em relação ao mesmo mês do ano anterior, desde fevereiro de 2014, as indústrias apresentaram o maior consumo em outubro desde 2013, com avanço disseminado em todas as regiões do país e destaque para os segmentos metalúrgico e fabricação de produtos minerais não metálicos. Já a classe comercial (-6,0%), embora registrando a menor queda desde abril de 2020, ainda permanece sob influência da pandemia da COVID-19, principalmente no setor de serviços. Apenas a Região Norte (+1,1%) apresentou expansão do consumo no comércio em outubro.

Novamente nesse mês todas as regiões apresentaram expansão do consumo de energia, dando continuidade ao movimento de avanço disseminado por todo o País iniciado em setembro. A região Norte (+6,5%) segue como destaque, acompanhada pelas regiões Centro-Oeste (+6,2%), Sudeste (+3,3%), Nordeste (+2,9%) e Sul (+1,9%). Em variação absoluta de consumo, destaque para a região Sudeste que apresentou expansão de 675 GWh, mais que o triplo da expansão em GWh registrado pelo Centro-Oeste que aparece em seguida com 214 GWh.

Quanto às modalidades de contratação de energia, o mercado livre apresentou crescimento de 8,6% no mês, enquanto o consumo cativo das distribuidoras de energia elétrica cresceu 0,8%, primeira expansão desde fevereiro deste ano.

Clique nos links para acessar a Resenha Mensal e o Podcast com a Analista de Pesquisa Energética Lena Santini Souza Menezes Loureiro


Notícias Relacionadas

Workshop sobre a 1ª Revisão Quadrimestral das Previsões de Carga para o PLAN 2024-2028

08/04/2024 - A Empresa de Pesquisa Energética – EPE, o Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE e promovem na próxima quarta-feira, dia 10 de abril, das 10h às 12h um Workshop para apresentação dos resultados da 1ª Revisão Quadrimestral das Previsões de Carga para o Planejamento Anual da Operação Energética – PLAN 2024-2028.

EPE, ONS e CCEE divulgam primeira revisão quadrimestral da previsão de carga

05/04/2024 - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Operador Nacional do Setor Elétrico (ONS), a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) divulgam, nesta sexta-feira (05), os dados da 1ª Revisão Quadrimestral das Previsões de Carga para o Planejamento Anual da Operação Energética - 2024-2028. Para o ano, o aumento previsto é de 3,8% na carga, atingindo o valor 78.814 MW médios.

Boletim Anual de Transmissão 2023

04/04/2024 - A EPE realizou em 2023 análises técnico-econômicas e socioambientais que resultaram na recomendação de diversos novos empreendimentos de transmissão de eletricidade. Essas futuras instalações irão agregar maior confiabilidade ao Sistema Interligado Nacional, aumentando a qualidade no atendimento elétrico aos consumidores brasileiros.

EPE esteve presente na cerimônia de assinatura dos contratos de concessão do Leilão de Transmissão n° 002/2023

04/04/2024 - Nessa quarta-feira, 03/04/2024, foram assinados os contratos de concessão dos lotes licitados no Leilão de Transmissão n° 002/2023. A cerimônia foi realizada em Brasília, com a presença do Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, além de outras autoridades do Governo Federal, da ANEEL e das Transmissoras vencedoras do leilão.

Resenha Mensal: consumo de eletricidade cresceu 8,0% em fevereiro e registra o quarto maior consumo mensal de toda a série histórica. O fevereiro mais longo este ano influenciou parcialmente os resultados

28/03/2024 - A mais recente edição da Resenha mostra que O consumo nacional de energia elétrica foi de 46.314 GWh em fevereiro de 2024, alta de 8,0% comparado a fevereiro de 2023. Este foi o quarto maior consumo mensal de toda a série histórica desde 2004.