PDE 2031: Estudos Complementares de Geracao Centralizada de Energia Eletrica - Sensibilidades what if

​O Plano Decenal de Expansão de Energia 2031 (PDE 2031) foi elaborado ao mesmo tempo em que o setor elétrico brasileiro enfrentava desafiadora situação de escassez hídrica. Considerando o caráter de constante evolução presente nos estudos de planejamento da expansão, a realidade operativa do ano de 2021 trouxe lições que permitiram avançar na aproximação entre a realidade e os modelos computacionais utilizados nos estudos de médio e de longo prazo. Porém, o esforço exigido para que estas melhorias fossem incorporadas de forma imediata fez com que o capítulo de geração de energia elétrica do PDE 2031 não apresentasse os cenários de sensibilidade what if na ocasião de sua publicação.

Cientes da importância de análises adicionais, após a publicação final do PDE 2031, o MME e a EPE seguiram trabalhando no desenvolvimento de novos estudos que complementassem o Plano com o propósito de endereçar outras questões que não fizeram parte do escopo do relatório principal. Esses estudos são apresentados na Nota Técnica "Estudos Complementares: Sensibilidades what if", que pode ser acessada no link a seguir. Em um panorama de múltiplas mudanças e desafios, o presente documento traz três análises de sensibilidades what if que abordam alguns destes aspectos:

  • A primeira delas faz uso de uma ferramenta alternativa, que permite simulação a usinas individualizadas, além de outras funcionalidades. Esta ferramenta foi utilizada para avaliação do atendimento aos critérios de suprimento e o cálculo dos requisitos do SIN.

  • A segunda análise considera o uso de projeções horárias de carga e geração das fontes renováveis variáveis para a estimativa da carga líquida, utilizando assim uma base de dados projetada para a definição dos patamares que são utilizados no modelo Newave.

  • Por fim, foi realizado terceiro estudo considerando diferentes históricos de vazões para a geração dos cenários hidrológicos sintéticos. Ao considerar apenas o passado recente como base para estimar o futuro, discute-se como o sistema funcionaria caso se confirme a mudança no perfil de afluências.

Com este documento complementar ao Capítulo 3 do PDE 2031, o MME e a EPE mantêm seu compromisso de fomentar discussões importantes para o planejamento da expansão e ajudar na construção de um sistema elétrico seguro e adaptado as novas características da matriz energética.

Para maiores detalhes, acesse o documento


Notícias Relacionadas

EPE recebe equipe de transição de governo

08/12/2022 - A Diretoria Executiva da EPE recebeu nesta terça-feira (06/12) em seu Escritório Central membros da equipe de transição de governo que têm atuado no tema Minas e Energia. Durante a reunião, que contou com a presença do Senador Jean-Paul Prates, a equipe manifestou interesse em conhecer os pontos de maior atenção a serem observados pela transição de governo.

Lançamento do Plano Indicativo de Gasodutos de Transporte 2022

06/12/2022 - O Plano Indicativo de Gasodutos de Transporte (PIG) se insere no conjunto de estudos elaborados pela EPE com o objetivo de subsidiar o planejamento do setor de gás natural brasileiro, no sentido de apresentar oportunidades de investimentos em gasodutos de transporte no País. Os projetos indicativos, apresentados em nível conceitual, permitem ampliar a capacidade e aumentar a segurança de suprimento de gás natural no País. Estas alternativas possibilitam a conexão de novas ofertas ao Sistema de Transporte de Gás Natural (STGN), a conexão do STGN a novas áreas ainda não atendidas por gás natural e a conexão de ofertas e demandas isoladas entre si.

Boletim Trimestral de Consumo de Eletricidade – ANO III – Nº11

06/12/2022 - Nesta edição do Boletim Trimestral, são analisados os principais movimentos ocorridos de julho a setembro de 2022 nas classes de consumo industrial, residencial e comercial, bem como a sua associação com a conjuntura econômica verificada no período.

EPE publica nota técnica da revisão ordinária da garantia física de usinas hidrelétricas

05/12/2022 - O Ministério de Minas e Energia (MME) publicou, no dia 02/12/2022, a Portaria nº 709 GM/MME/2022 com os Valores Revistos de Garantia Física de Energia das Usinas Hidrelétricas Despachadas Centralizadamente no Sistema Interligado Nacional, para início de vigência em 1° de janeiro de 2023.

Webinar Eficiência Energética: Ações norteadoras para as edificações brasileiras

01/12/2022 - No dia 08 de dezembro, a EPE promoverá um webinar com o objetivo de apresentar proposta de ações norteadoras para o aumento da eficiência energética nas edificações brasileiras, contribuindo para orientar a alocação dos investimentos nesse setor. Particularmente, busca identificar ações para aumentar a eficácia dos programas existentes, bem como mapear novos programas e mecanismos a fim de ampliar a eficiência energética e a competitividade da indústria nacional.