Agência Internacional de Energia e EPE publicam uma análise sobre o transporte rodoviário de cargas no Brasil, acompanhado de indicadores e comparações internacionais.

A eficiência energética é uma ferramenta crítica para reduzir as emissões de carbono e a poluição do ar no setor de transporte. Também é fundamental para a segurança energética. O objetivo desta publicação é apresentar uma análise do setor de frete rodoviário de cargas no Brasil e internacionalmente, com foco particular nos avanços em eficiência energética e uso de combustíveis alternativos.

O relatório apresenta inicialmente uma análise da evolução do setor no Brasil, incluindo as razões para o aumento da demanda. Isso é seguido por uma seção que compara indicadores-chave do Brasil com o de outros países, e oferece exemplos de tecnologias e políticas de ponta para promover a eficiência energética, mitigação de carbono e melhorias na qualidade do ar do setor.

Com base na experiência internacional, este estudo recomenda algumas iniciativas que o Brasil poderia adotar para aumentar a eficiência energética da frota. Novos programas de sucateamento, metas de economia de combustível, redução de peso e desenvolvimento de veículos mais aerodinâmicos podem melhorar a eficiência energética da frota. Melhorias na infraestrutura também são fundamentais, assim como a digitalização e a facilitação das operações intermodais, entre outras.


Notícias Relacionadas

EPE divulga PET/PELP - 1º Semestre de 2022

08/08/2022 - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) emitiu o Programa de Expansão da Transmissão (PET) e Plano de Expansão de Longo Prazo (PELP) - 1º Semestre de 2022.

EPE, ONS e CCEE divulgam os dados da 2ª Revisão Quadrimestral das Previsões de Carga para o Planejamento Anual da Operação Energética - 2022-2026

02/08/2022 - A Empresa de Pesquisa Energética – EPE, o Operador Nacional do Setor Elétrico – ONS e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE e divulgam os dados da 2ª Revisão Quadrimestral das Previsões de Carga para o Planejamento Anual da Operação Energética - 2022-2026.

EPE, ONS e ANEEL divulgam Nota Técnica com Margens de Capacidade para Escoamento de Energia Elétrica para os Leilões de Energia Nova A-5 e A-6 de 2022.

01/08/2022 - A Empresa de Pesquisa Energética - EPE divulga as Notas Técnicas do Operador Nacional do Sistema (ONS), contendo os quantitativos da capacidade de escoamento de energia elétrica de todos os barramentos da Rede Básica, DIT (Demais Instalações de Transmissão) e ICG (Instalações Compartilhadas de Geração) indicados pelos empreendedores no Sistema AEGE no ato do cadastramento dos Leilões de Energia Nova A-5 e A-6 de 2022.

Resenha Mensal: O consumo nacional de energia elétrica foi 40.718 GWh em junho, expandindo 0,8% em comparação com mesmo mês de 2021.

29/07/2022 - O consumo nacional de energia elétrica foi 40.718 GWh em junho, expandindo 0,8% em comparação com mesmo mês de 2021. A classe comercial novamente lidera a expansão, seguida pela indústria, enquanto o consumo nas residências retrai. O consumo nacional de energia elétrica registrou 504.729 GWh no acumulado em 12 meses, crescimento de 1,8% comparado com o período imediatamente anterior.

Equipe EPE fez visita técnica à usina termelétrica UTE GNA I, localizada no Porto do Açu

29/07/2022 - No dia 27/07/2022, integrantes de diversas áreas da EPE visitaram a usina termelétrica UTE GNA I, localizada no Porto do Açu, no município de São João da Barra (RJ), com cerca de 1.340 MW de capacidade instalada.