símbolo do ABCDEnergia

Matriz Energética e Elétrica

​[Matriz energética] [Matriz elétrica]

Como vimos no texto O que é energia?, precisamos de energia, por exemplo, para acender a luz, preparar nossas refeições e nos transportar de carro até a escola, a praia... Essa energia vem de um conjunto de fontes que formam o que chamamos de matriz energética. Ou seja, ela representa o conjunto de fontes disponíveis em um país, estado, ou no mundo, para suprir a necessidade (demanda) de energia.

figuras que representam as fontes: carcão, barril, chama, gota, folha, lenha, sol e vento

Dica: Antes de conhecer a matriz energética, vale a pena conferir os textos sobre Formas de Energia e Fontes de Energia.


Muitas pessoas confundem a matriz energética com a matriz elétrica, mas elas são diferentes. Enquanto a matriz energética representa o conjunto de fontes de energia disponíveis para movimentar os carros, preparar a comida no fogão e gerar eletricidade, a matriz elétrica é formada pelo conjunto de fontes disponíveis apenas para a geração de energia elétrica. Dessa forma, podemos concluir que a matriz elétrica é parte da matriz energética.

Que tal conhecermos a matriz energética mundial e a brasileira?

[Voltar ao topo]


MATRIZ ENERGÉTICA

O mundo possui uma matriz energética composta, principalmente, por fontes não renováveis, como o carvão, petróleo e gás natural:

Gráfico de percentuais das fontes na matriz energética mundial: petróleo e derivados 31,7% Carvão 28,1% Gás natural 21,6%

Matriz Energética Mundial 2015

Fontes renováveis como solar, eólica e geotérmica, por exemplo, juntas correspondem a apenas 1,40% da matriz energética mundial, assinaladas como “Outros” no gráfico. Somando à participação da energia hidráulica, as renováveis totalizam 3,8%.

A matriz energética do Brasil é muito diferente da mundial. Por aqui, apesar do consumo de energia de fontes não renováveis ser maior do que o de renováveis, usamos mais fontes renováveis que no resto do mundo. Somando lenha e carvão vegetal, hidráulica, derivados de cana e outras renováveis, nossas renováveis totalizam 41,1%, quase metade da nossa matriz energética:

Gráfico dos percentuais das fontes: petróleo e derivados 36,5% derivados da cana 17,5% hidráulica 12,6% Gás natural 12,3%

    


Vamos comparar o consumo de energia proveniente de fontes renováveis e não renováveis no Brasil e no mundo?

Gráfico de percentuais: Brasil 57% não renovável e 44% renovável Mundo 86% não renovável e 14% renovável

Percebemos pelo gráfico que a matriz energética brasileira é mais renovável do que a mundial.

Essa característica da nossa matriz é muito importante. As fontes não renováveis de energia são as maiores responsáveis pela emissão de gases de efeito estufa (GEE). Como consumimos mais energia das fontes renováveis que em outros países, dividindo a emissão de gases de efeito estufa pelo número total de habitantes no Brasil, veremos que nosso país emite menos GEE por habitante que a maioria dos outros países. Você pode aprender mais sobre esse assunto em Energia e Aquecimento Global.

Quer ver como e onde o petróleo e o gás natural são produzidos e utilizados? Clique nos links!

Agora que sabemos o que é a matriz energética e conhecemos sua composição no Brasil e no mundo, vamos descobrir mais sobre a matriz elétrica?

[Voltar ao topo]

MATRIZ ELÉTRICA

Como já vimos no início desse texto, a matriz elétrica é formada pelo conjunto de fontes disponíveis apenas para a geração de energia elétrica em um país, estado ou no mundo. Precisamos da energia elétrica, por exemplo, para assistir televisão, ouvir músicas no rádio, acender a luz, ligar nossa geladeira, carregar nosso celular, entre tantas outras coisas.

A geração de energia elétrica no mundo é baseada, principalmente, em combustíveis fósseis como carvão, óleo e gás natural, em termelétricas. Vamos conhecer a matriz elétrica mundial?

Gráfico de percentuais das fontes: carvão 39,3% gás natural 22,9% hidráulica 16% nuclear 10,6%

   Matriz Elétrica Mundial 2015

A matriz elétrica brasileira é ainda mais renovável do que a energética, isso porque grande parte da energia elétrica gerada no Brasil vem de usinas hidrelétricas. A energia eólica também vem crescendo bastante, contribuindo para que a nossa matriz elétrica continue sendo, em sua maior parte, renovável.

Gráfico dos percentuais das fontes: hidráulica 68,1% gás natural 9,1% biomassa 8,2% solar e eólica 5,4%

Matriz Elétrica Brasileira 2016

Vamos comparar a utilização de fontes renováveis e não renováveis para a geração de energia elétrica no Brasil e no mundo?

Brasil 82% renovável 18% não renovável Mundo 77% não renovável e 23% renovável

Aprendemos com o gráfico que a matriz elétrica brasileira é baseada em fontes renováveis de energia, ao contrário da matriz elétrica mundial. Isso é ótimo para o Brasil, pois além de possuírem menores custos de operação, as usinas que geram energia a partir de fontes renováveis em geral emitem bem menos gases de estufa.

E aí, gostou do texto? O que você acha de recomendar aos seus amigos?

Gostaria de saber como a eletricidade chega até nossas casas? Veja aqui.

Até a próxima!

logo da EPE em aquarela

[Voltar ao topo]