MME publica conjunto de estudos de apoio ao PNE 2050

São 23 documentos que abrangem registros de workshops e notas técnicas e estudos feitos pela EPE em 2018

O Ministério de Minas e Energia divulgou nesta segunda-feira (28), em sua página na internet, uma série de estudos realizados para apoiar a elaboração do Plano Nacional de Energia 2050 (PNE 2050). As análises foram feitas ao longo de 2018 em conjunto com a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e, segundo o MME, seguiram recomendações e diretrizes da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético (SPE) da pasta.

O conjunto totaliza 23 documentos que abrangem os registros de quatro workshops e de notas técnicas e estudos da EPE desenvolvidos no ano passado. Os workshops e as reuniões complementares contaram com a participação de mais de 250 representantes de dezenas de órgãos do governo e entidades setoriais e de classe.

Nos encontros, foram discutidos pontos como planos, políticas, estratégias, prospectivas de mercado e de inovação tecnológica que apresentam interface com o setor energético. O MME disponibilizou o e-mail die@mme.gov.br para dúvidas e sugestões acerca dos trabalhos.

Veja abaixo a relação de estudos de apoio do PNE 2050 publicados hoje pelo MME. Para acessar os trabalhos, clique aqui.

 1º e 2º Workshop com governo – áreas de infraestrutura e economia 12/abr e 03/mai/18

 3º Workshop com grandes consumidores 12/jun/18

4º Workshop sobre cenários tecnológicos 19/set/18

Subsídios para Elaboração do Plano Nacional de Energia 2050 – (NT PR 02/18)

Análise Comparativa de Planos de Energéticos de Longo Prazo de Países da América Latina – (NT PR 03/18)

Potencial dos Recursos Energéticos no Horizonte 2050 – (NT PR 04/18)

Premissas e Custos da Oferta de Energia Elétrica no Horizonte de 2050 – (NT PR 07/18)

Cenários Econômicos para o PNE 2050

 Cenários de Demanda para o PNE 2050

Recursos Energéticos Distribuídos 2050 – (NT PR 08/18)

Premissas e Custos da Oferta de Combustíveis no Horizonte de 2050 – (NT PR 09/18)

Desafios da Transmissão no Longo Prazo

Panorama e Perspectivas sobre Integração Energética Regional

Mudanças Climáticas e Desdobramentos sobre os Estudos de Planejamento Energético: Considerações Iniciais

Considerações sobre Comportamento do Consumidor

Desafios do Pré-Sal

Disponibilidade Hídrica e Usos Múltiplos

Considerações sobre a Participação do Gás Natural na Matriz Energética no Longo Prazo

Considerações sobre a Expansão Hidroelétrica nos Estudos de Planejamento Energético de Longo Prazo

Eletromobilidade e Biocombustíveis

Mecanismos de Carbono

Papel da Biomassa na Expansão da Geração de Energia Elétrica

Considerações sobre a Participação da Sociedade no Planejamento de Longo Prazo


Fonte: CanalEnergia 

Nota da ASCOM: A EPE também disponibiliza estes arquivos neste link


Notícias Relacionadas

A EPE realizará o Workshop Lastro e Energia (Relatório de apoio já disponível)

17/08/2019 - A EPE juntamente com o Ministério de Minas e Energia, realizará no dia 21 de agosto o Workshop Lastro e Energia, que ocorrerá no âmbito do GT Modernização do Setor Elétrico. O evento acontecerá em Brasília e contará com a participação do CCEE, ONS e ANEEL.

EPE participa do 19º Seminário de Gás Natural 2019

16/08/2019 - O diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, José Mauro Coelho, participou como representante da EPE, no dia 14 de agosto de 2019, do "19º Seminário de Gás Natural 2019". A Mesa Redonda em que participou teve o tema central “Condições para Viabilização da Oferta do Gás Natural do Pré-Sal”.

EPE lança o Informe Técnico - Competitividade do Gás Natural: Estudo de Caso na Indústria de Fertilizantes Nitrogenados

16/08/2019 - O Informe Técnico "Competitividade do Gás Natural: Estudo de Caso na Indústria de Fertilizantes Nitrogenados" é primeiro documento de uma série, que tem por objetivo avaliar o potencial de entrada de novas unidades industriais intensivas em gás natural.

EPE participa de Workshop sobre Serviços Ancilares

13/08/2019 - O evento promovido pelo ONS e ANEEL ocorreu nos dias 31 de julho e 1º de agosto, no Rio de Janeiro. A EPE foi representada pelo Consultor Técnico Daniel José Tavares de Souza, da Superintendência de Transmissão de Energia, que participou como palestrante no primeiro painel sobre “Os Serviços Ancilares no Planejamento do Sistema”.

EPE recebe a nota 10 no 4º Ciclo de Avaliação do Indicador de Governança das Estatais (IG-SEST)

12/08/2019 - No último dia 09 de agosto de 2019 a EPE recebeu a nota 10 no 4º Ciclo de Avaliação do Indicador IG-SEST. Nessa edição participaram 61 Empresas, sendo que apenas 14 empresas tiraram a nota máxima, dentre elas a EPE.