EPE divulga atualização da programação de estudos de planejamento da transmissão

Atendendo ao disposto no §4º do Art. 3º da Portaria nº 215, de 11 de maio de 2020, a EPE divulga o 2º Informe Trimestral acerca do estágio de execução dos estudos de transmissão previstos de serem realizados sob a sua coordenação ao longo do ano de 2022, incluindo eventuais atualizações de cronograma, conforme previamente acordado com a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético do MME.

Consulte aqui a programação


Notícias Relacionadas

Boletim interativo da Energia Eólica e atualização dos dados abertos do Sistema AMA

23/02/2024 - O Boletim da Energia Eólica é publicado desde junho de 2014, apresentando índices mensais que caracterizam o recurso eólico no país a partir de dados do Sistema AMA (Sistema de Acompanhamento de Medições Anemométricas).

Sistema AMA – Atualização da Lista de Equipamentos Aceitos

09/02/2024 - A EPE publica a atualização dos Equipamentos aceitos no Sistema AMA – Sistema de Acompanhamento de Medições Anemométricas. Novos equipamentos que constam da lista já podem ser cadastrados no Sistema.

EPE e MME divulgam a programação de estudos de planejamento da transmissão para 2024

07/02/2024 - Programação prevê 30 levantamentos que contemplarão todas as regiões do Brasil, incluindo conexão de cargas de hidrogênio.

Resenha Mensal: temperaturas elevadas impulsionam o consumo de eletricidade em dezembro e bate recorde histórico pelo terceiro mês consecutivo

31/01/2024 - A mais recente edição da Resenha mostra que o consumo nacional de energia elétrica foi de 47.170 GWh em dezembro de 2023, alta de 9,1% em comparação com dezembro de 2022, o terceiro recorde consecutivo de consumo em toda a série histórica, desde 2004. Assim como em outubro e novembro, impulsionados pelas ondas de calor, os consumos das classes residencial e comercial registraram taxas de expansão de dois dígitos.

EPE publica o Planejamento do Atendimento aos Sistemas Isolados – Ciclo 2023

25/01/2024 - O Planejamento do Ciclo 2023 avaliou 196 localidades que fazem parte dos Sistemas Isolados, a previsão de interligação desses sistemas ao SIN, as projeções de crescimento do mercado consumidor dessas localidades, os índices de perdas, bem como as necessidades futuras de atendimento até 2028.