Diretor Giovani Vitória Machado participa do encontro de Cooperação Técnica e Financeira Brasil-Alemanha

O Diretor de Estudos Econômicos e Energéticos da EPE, Giovani Vitória Machado, e Renata Nogueira Francisco, Assessora da Diretoria de Estudos de Energia Elétrica, participaram dia 18/11 das "Negociações Intergovernamentais Brasil-Alemanha sobre Cooperação Técnica e Financeira", no Palácio do Itamaraty.

As negociações, realizadas entre 17 e 19 de novembro, sob a coordenação do Ministério de Relações Exteriores e da Agência Brasileira de Cooperação, visam à apresentação da proposta conceitual de nova área prioritária, com possível ampliação do escopo atual, cujos focos temáticos que orientam o programa bilateral de cooperação Brasil-Alemanha são:

  • Proteção e uso sustentável de florestas tropicais;

  • Energias renováveis e eficiência energética.

Ressalte-se que, em linha com essas áreas prioritárias, foram adotados temas complementares em sinergia como referido escopo, a saber: desenvolvimento urbano sustentável, finanças verdes e educação profissional e tecnológica.

A participação da EPE teve como objetivo assessorar tecnicamente o Ministério de Minas e Energia em seu posicionamento nas negociações na Sessão Temática 4, sobre Energias Renováveis e Eficiência Energética.

Nas negociações, ambos os países confirmaram o interesse em continuar com a exitosa cooperação nas áreas de Energias Renováveis, Eficiência Energética e Armazenamento de Energia, incorporando Hidrogênio / PtX (Power-to-X) como nova área de trabalho. Brasil e Alemanha expressaram sua satisfação com o desenvolvimento do portfólio bilateral de estudos sobre energia nos últimos anos, bem como com a continua integração de campos de pesquisa inovadores como Armazenamento de Energia, Hidrogênio / PtX, Digitalização e Finanças Verdes.

Em particular, os representantes da EPE reportaram o andamento e as realizações do "Projeto: Sistemas de Energia do Futuro (Fase III), iniciado em julho de 2021, com foco na Integração sistemática de energias renováveis (ER) e Eficiência Energética (EE) no sistema energético brasileiro", o qual mantém os benefícios mútuos e sucesso que caracterizaram a Cooperação Técnica e Financeira Brasil-Alemanha. Assim como nas fases I e II do Projeto Sistemas de Energia do Futuro, os estudos realizados na Fase III, por meio da GIZ, tem apoiado significativamente às discussões acerca do planejamento energético brasileiro, contribuindo para aperfeiçoamentos nos processos e para formação de conhecimento técnico sobre os temas tratados, atendendo ao objetivo traçado de maior integração de energias renováveis e eficiência energética no sistema elétrico.

O "Projeto: Sistemas de Energia do Futuro (Fase III) tem como parceiro político brasileiro o Ministério de Minas e Energia - MME e diversos parceiros de implementação: o próprio MME, EPE, Agência Nacional de Energia Elétrica-ANEEL, Operador Nacional do Sistema - ONS, Ministério de Educação-MEC e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial-SENAI). A Fase III se estenderá até dezembro de 2024, envolvendo recursos de aproximadamente € 10 milhões.

Outros projetos em andamento também foram destacados nas negociações como o "Project: DKTI Brazilian-German Technology Partnership for Energy Storage" e o "Project: PotencializEE - Transforming Investments in Energy Efficiency in Industry".

Imagem 1.png

Imagem 2.jpgImagem 2.jpg

Notícias Relacionadas

MME abre Consulta Pública sobre Proposta de Diretrizes para a Consideração de Benefícios Ambientais no Setor Elétrico

21/01/2022 - Foi publicada pelo Ministério de Minas e Energia – MME, a Consulta Pública nº 118 de 21/01/2022, que apresenta a Proposta de Diretrizes para a Consideração de Benefícios Ambientais no Setor Elétrico - Lei nº 14.120/2021. A EPE foi a responsável pela elaboração do documento sob a coordenação técnica do Diretor Giovani Vitória Machado, da Diretoria de Estudos Econômico-Energéticos e Ambientais.

EPE publica os Fatos Relevantes da Indústria do Óleo & Gás de dezembro de 2021

21/01/2022 - O mês de dezembro viu uma recuperação nos preços do petróleo. A rápida disseminação da variante Ômicron de Covid-19 começou o mês causando uma pressão de baixa sobre os preços. Essa foi se dissipando com a constatação de que a demanda continuava em alta, e de que a contaminação dessa variante causa uma menor chance de hospitalização.

EPE publica Nota Técnica "Metodologia: Cenário Econômico"

17/01/2022 - As projeções econômicas desenvolvidas nos estudos da EPE subsidiam a construção do cenário de evolução da demanda de energia para os próximos anos e auxiliam na elaboração do planejamento de expansão de energia realizado pelo Ministério de Minas e Energia.

EPE publica Programação dos Estudos de Transmissão para o Ano de 2022

13/01/2022 - Atendendo ao disposto no § 4º do Art. 3º da Portaria nº 215, de 11 de maio de 2020, a EPE divulga a relação dos estudos previstos de serem realizados sob sua coordenação no ano de 2022, incluindo os respectivos Termos de Referência simplificados (Fichas de Referência).

EPE publica edital do seu 8º Concurso Público

07/01/2022 - Nesta sexta-feira, 07/01, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) o Edital do 8º Concurso Público da Empresa de Pesquisa Energética, que visa ao provimento de 16 (dezesseis) vagas de Analista de Pesquisa Energética e 1 (uma) vaga de Analista de Gestão Corporativa, bem como à formação de cadastro de reserva.