Programa de Expansão da Transmissão (PET/PELP)

​Os estudos de expansão da transmissão culminam na elaboração do documento PET/PELP -Programa de Expansão da Transmissão/Plano de Expansão de Longo Prazo, publicado semestralmente nos meses de fevereiro e agosto de cada ano. O PET tem caráter determinativo abrangendo um horizonte de seis anos e dele constam as instalações de transmissão ainda não licitadas ou autorizadas, recomendadas para entrar em operação nos próximos seis anos. Sua principal finalidade é subsidiar o MME na priorização das instalações de transmissão que integrarão os lotes a serem oferecidos nos futuros leilões de transmissão. Além disso, constitui em importante sinalizador para os agentes setoriais e fornecedores dos investimentos a serem realizados nos próximos anos. O PELP tem caráter indicativo e contempla as instalações recomendadas para entrar em operação a partir do sétimo ano.

Programa de Expansão da Transmissão / Plano de Expansão de Longo Prazo - Ciclo 2017

​​A Empresa de Pesquisa Energética – EPE publica o “Programa de Expansão da Transmissão (PET) / Plano de Expansão de Longo Prazo (PELP), Ciclo 2017.

Programa de Expansão da Transmissão / Plano de Expansão de Longo Prazo - Ciclo 2016

​​A Empresa de Pesquisa Energética – EPE publica o “Programa de Expansão da Transmissão (PET) / Plano de Expansão de Longo Prazo (PELP), Ciclo 2016 – 2º semestre.

Programa de Expansão da Transmissão / Plano de Expansão de Longo Prazo - Ciclo 2015 - 2º Semestre

Com o objetivo de propiciar uma visão integralizada do planejamento setorial aos agentes do setor elétrico, a Empresa de Pesquisa Energética - EPE passa, a partir dessa edição, a publicar o PET e o PELP em um único documento.

Plano de Expansão de Longo Prazo – 2020

A Empresa de Pesquisa Energética - EPE publica o "Plano de Expansão de Longo Prazo - PELP 2020 - 1º e 2º semestre".

Programa de Expansão Transmissão 2014-2019 / 2º Semestre

A Empresa de Pesquisa Energética - EPE publica o "Programa de Expansão Transmissão - PET, ciclo 2014 - 2º Semestre". O estudo contém atualizações do programa de obras da Rede Básica, abrangendo o período 2014-2019.