O presidente Luiz Augusto Barroso participou do Norwegian-Brazilian Electricity Market Seminar

O setor de eletricidade no Brasil deve manter sua matriz de baixo carbono no futuro - e as fontes de energia renováveis são o meio para atingir esse objetivo. Embora a recente desaceleração econômica e a inércia no início das operações de capacidade de geração resultem em excesso de oferta estrutural, as nossas perspectivas são positivas", afirma o Presidente da Empresa de Pesquisa Energética - EPE, Luiz Augusto Barroso, durante o Norwegian-Brazilian Electricity Market Seminar.

Em seguida, o painel sobre energia eólica reuniu especialistas da ABEEólica - Associação Brasileira de Energia Eólica, ENGIE Brasil Energia e Statkraft Brasil. "Embora fossem viáveis apenas com a ajuda de mecanismos de incentivo, atualmente a fonte eólica e a solar tornaram-se competitivas – mas ainda temos desafios para aumentar a sua penetração no mercado brasileiro", destaca o Diretor de Estratégia e Assuntos Regulatórios da Engie Brasil Energia, Edson Luiza da Silva.

O CEO e Gerente Regional da Statkraft Brasil, Fernando De Lapuerta, apresentou o maior projeto de energia eólica onshore da Europa, composto por seis parques eólicos terrestres, e a "usina de energia virtual", que utiliza internet para controlar várias instalações menores e ajusta entregas de acordo com a demanda. "Essas soluções trazem para o mercado mais confiança e força de integração. Apesar de serem projetos aplicados na Europa, podemos utilizar a nossa experiência no mercado brasileiro e auxiliar em sua expansão", acredita o CEO.

Clique aqui para ver a apresentação


Painel.jpgPresidente.jpg

Photos/ Fotos: Paulo Mumia


Notícias Relacionadas

EPE, ONS e ANEEL divulgam revisão 1 da Nota Técnica com Margens de Capacidade para Escoamento de Energia Elétrica para o Leilão A-4/2019

17/05/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética - EPE divulga a revisão 1 da Nota Técnica 0046/2019, do Operador Nacional do Sistema (ONS), contendo os quantitativos da capacidade de escoamento de energia elétrica de todos os barramentos da Rede Básica, DIT (Demais Instalações de Transmissão) e ICG (Instalações Compartilhadas de Geração) indicados pelos empreendedores no Sistema AEGE no ato do cadastramento deste leilão

EPE publica estudo de expansão da transmissão para a Região Central do Estado de Goiás

16/05/2019 - Foi emitido no último dia 15 de maio o "Estudo de Atendimento à Região Central de Goiás", elaborado pela equipe da Superintendência de Transmissão de Energia (STE) em conjunto com a Superintendência de Meio Ambiente (SMA).

EPE publica nota técnica de Metodologia de Demanda de Eletricidade

08/05/2019 - Este documento tem como objetivo descrever a metodologia de projeção de demanda de energia elétrica utilizada nos estudos de mercado e carga subsidiários do Plano Decenal de Energia (PDE) e do Plano Nacional de Energia (PNE) e nos estudos do planejamento da operação e suas revisões quadrimestrais, elaborados em conjunto com o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Resenha Mensal: crescimento de 2,2% sobre março do ano anterior

30/04/2019 - O consumo de energia elétrica no conjunto do país somou 40.938 GWh em março, crescendo 2,2% sobre igual mês do ano anterior. Já no trimestre, com montante acumulado no período de 123.490 GWh, o aumento foi de 3,7%.

EPE participa do programa French Clean Tech Day 2019

18/04/2019 - No último dia 12 de abril, o superintendente Jeferson Soares e o analista de pesquisa energética Felipe Klein participaram do webinar de lançamento do programa French Clean Tech Day 2019, no escritório da Business France, no Rio de Janeiro