O presidente Luiz Augusto Barroso participou do Norwegian-Brazilian Electricity Market Seminar

O setor de eletricidade no Brasil deve manter sua matriz de baixo carbono no futuro - e as fontes de energia renováveis são o meio para atingir esse objetivo. Embora a recente desaceleração econômica e a inércia no início das operações de capacidade de geração resultem em excesso de oferta estrutural, as nossas perspectivas são positivas", afirma o Presidente da Empresa de Pesquisa Energética - EPE, Luiz Augusto Barroso, durante o Norwegian-Brazilian Electricity Market Seminar.

Em seguida, o painel sobre energia eólica reuniu especialistas da ABEEólica - Associação Brasileira de Energia Eólica, ENGIE Brasil Energia e Statkraft Brasil. "Embora fossem viáveis apenas com a ajuda de mecanismos de incentivo, atualmente a fonte eólica e a solar tornaram-se competitivas – mas ainda temos desafios para aumentar a sua penetração no mercado brasileiro", destaca o Diretor de Estratégia e Assuntos Regulatórios da Engie Brasil Energia, Edson Luiza da Silva.

O CEO e Gerente Regional da Statkraft Brasil, Fernando De Lapuerta, apresentou o maior projeto de energia eólica onshore da Europa, composto por seis parques eólicos terrestres, e a "usina de energia virtual", que utiliza internet para controlar várias instalações menores e ajusta entregas de acordo com a demanda. "Essas soluções trazem para o mercado mais confiança e força de integração. Apesar de serem projetos aplicados na Europa, podemos utilizar a nossa experiência no mercado brasileiro e auxiliar em sua expansão", acredita o CEO.

Clique aqui para ver a apresentação


Painel.jpgPresidente.jpg

Photos/ Fotos: Paulo Mumia


Notícias Relacionadas

EPE participa do NBCC Energy Seminar

15/10/2019 - A EPE representada pelo presidente Thiago Barral participou do NBCC Energy Seminar, evento realizado pela Câmara de Comércio Brasil-Noruega (NBCC) que ocorreu no dia 08 de outubro, no Rio de Janeiro.

EPE emite a publicação PET/PELP ciclo 2019 - 2º semestre

15/10/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética – EPE emite o Programa de Expansão da Transmissão (PET) / Plano de Expansão de Longo Prazo (PELP) Ciclo 2019 – 2º semestre, do qual fazem parte todas as obras de expansão do Sistema Interligado Nacional, ainda sem outorga, e definidas a partir dos estudos de planejamento da EPE concluídos até setembro de 2019.

EPE em parceria com o Instituto Escolhas realiza Workshop sobre setor de energia e o sistema financeiro

10/10/2019 - No dia 12 de setembro ocorreu no auditório da EPE o Workshop "Como o Setor de Energia e o Sistema Financeiro podem incorporar os riscos não financeiros em seu planejamento?", organizado pela EPE em parceria com o Instituto Escolhas.

EPE participa do FGV Energia – Boletim de Conjuntura do Setor Energético

10/10/2019 - O Boletim de Conjuntura do Setor Energético colocou mais uma vez a mobilidade elétrica em pauta, a discussão acerca desse tema é embasada pela visão de doze especialistas, nas sete colunas de opinião deste Boletim. A segunda coluna deste mês, de autoria dos analistas e consultores técnicos da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Flávio Raposo de Almeida, Glaucio Vinicius Ramalho Faria, Luciano Basto de Oliveira e Natália Gonçalves de Moraes, aborda a eletrificação de ônibus no Brasil e apresenta a ferramenta de avaliação técnico-econômica de ônibus elétricos urbanos municipais desenvolvida pela empresa de pesquisa.

Coleta Direta de Informações dos Consumidores Livres – Ciclo 2019

07/10/2019 - Conforme determina a Portaria MME nº 331, de 29 de julho de 2005, o Ministério de Minas e Energia – MME, por intermédio da Empresa de Pesquisa Energética – EPE, solicita que sejam disponibilizadas informações relativas aos mercados ou cargas dos consumidores livres e especiais nos anos de 2018 e 2019, bem como as projeções para os próximos onze anos.