Seminário propõe debate sobre exploração de recursos de baixa permeabilidade

Muito tem sido discutido sobre a importância da reativação do ambiente onshore no Brasil, especialmente com o lançamento do programa REATE. Essa discussão abre a porta para um mercado quase totalmente novo: a exploração de recursos de baixa permeabilidade e reacende a necessidade de se discutir, de forma isenta e transparente, sua exploração no Brasil. O shale gas, por exemplo, ascendeu os EUA à posição de exportador de hidrocarbonetos, reduzindo sua vulnerabilidade externa, incrementando a produção por pequenos produtores e deslocando toda geopolítica mundial do petróleo em um curto espaço de tempo.

Com o objetivo de estudar o setor energético brasileiro e a importância da reativação do ambiente onshore, a FGV Energia, em parceria com o Ministério de Minas e Energia (MME), a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), realizaram hoje o seminário “Discussões sobre a exploração de recursos de baixa permeabilidade no Brasil: projeto poço transparente”. A proposta deste evento visa a desmistificação da exploração de recursos de baixa permeabilidade por fraturamento hidráulico.

Adicional às discussões técnicas propostas pela FGV Energia, foram convidados representantes da UnB, Ministério do Meio Ambiente, Ministério Público, Confederação Nacional da Indústria, além de membros da EPE, da ANP e do MME. O evento conta com experts internacionais em projetos piloto com sistemas de monitoramento de risco como Marcellus Shale Energy and Environment Laboratory (MSEEL), assim como empresas de operação onshore e órgãos governamentais estaduais.

Logo após a abertura, esta manhã,  o Diretor de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da EPE, José Mauro Ferreira Coelho, realizou sua apresentação: "RECURSOS EM RESERVATÓRIOS DE  BAIXA PERMEABILIDADE NO BRASIL", na foto falando sobre o REATE. Para acessar e baixar a apresentação completa, clique aqui. O evento iniciou às 9h, no auditório da FGV/RJ, e acontecerá ao longo do  dia de hoje com previsão de término às 18h.

JOSE_MAURO_COELHO_EPE.jpg

Texto: FGV ENERGIA       Foto: ASCOM





Notícias Relacionadas

EPE disponibiliza Informe Técnico sobre Custo de Combustível e Preços de Referência dos Combustíveis para as Soluções de Suprimento no Produto “Potência"

14/02/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética disponibiliza o Informe Técnico que visa a fornecer os elementos para a formulação do Custo do Combustível e dos Preços de Referência dos combustíveis para as usinas termelétricas participantes do leilão para suprimento a Boa Vista e Localidades Conectadas, conforme Portarias do Ministério de Minas e Energia nº 512, de 21 de dezembro de 2019 e nº 58/GM, de 23 de janeiro de 2019.

EPE participa pela primeira vez do evento Campus Party

14/02/2019 - Pela primeira vez, a Empresa de Pesquisa Energética foi convidada a participar do evento Campus Party, um dos principais eventos de tecnologia do cenário. A EPE, representada pela Assessora de Comunicação Social, Maura Xerfan e pela Analista de Pesquisa Energética, Natalia Moraes, participará do evento com o projeto ABCDEnergia; projeto esse voltado para o público jovem, onde são abordados assuntos do cenário energético de forma lúdica e educativa.

País precisa diversificar fontes de energia sem gerar ineficiências

13/02/2019 - País precisa diversificar fontes de energia sem gerar ineficiências Responsável pela coordenação dos estudos que subsidiarão o pla- nejamento energético do governo de Jair Bolsonaro, o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Thiago Barral, vê com bons olhos o avanço da energia eólica e solar e a diversificação dos recur- sos energéticos brasileiros. Ele en- tende, no entanto, que há necessi- dade de aperfeiçoamento do mo- delo de avaliação da segurança energética do país em relação ao novo cenário e que a solução deve ter razoabilidade econômica, para não onerar consumidores nem prejudicar investidores

EPE participa da solenidade de assinatura do Protocolo de Intenções entre Porto Central e Porto de Pecém

06/02/2019 - O diretor de Estudos do Petróleo Gás e Biocombustíveis, José Mauro Coelho, acompanhado de seu assessor, Alexandre Cobbett, representando a EPE e o secretário de Petróleo Gás e Biocombustíveis do MME, Márcio Félix, participou e discursou na solenidade de Assinatura do Protocolo de Intenções entre Porto Central, situado no Espírito Santo, na sede da FINDES, Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo

Thiago Vasconcellos Barral Ferreira é o novo Presidente da EPE

04/02/2019 - Aos 35 anos, Thiago Vasconcellos Barral Ferreira é o novo presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE). A nomeação ocorreu na sexta-feira (01/02), por despacho da secretaria-geral e hoje (04/02) foi publicado no Diário Oficial da União (DOU).