EPE participou do 'Seminário Internacional – Mobilidade a Gás Natural: A Solução para o Brasil'

A Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) realiza na quinta e sexta-feira (dias 22 e 23 de novembro), no Rio de Janeiro, a primeira edição do 'Seminário Internacional – Mobilidade a Gás Natural: A Solução para o Brasil'. A iniciativa conta com patrocínio master da Fundação Gas Natural Fenosa.

O evento reuniu empresários do setor de transportes, agentes fomentadores de políticas públicas, agentes formadores de opinião, associações do setor, concessionárias de gás canalizado e demais profissionais interessados no tema. A palestra inaugural é do consultor Adriano Pires, doutor em Economia Industrial e diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE). Ele vai apresentar os ‘Novos Mercados para o Gás Natural’.

O Gás Natural Veicular (GNV) é usado internacionalmente como um combustível estratégico para reduzir o nível de emissões, não só em carros de passeio, mas em veículos pesados, em frotas e fretes e no transporte público, por conta da sua confiabilidade, produtividade operacional e segurança", afirmou o presidente executivo da Abegás Augusto Salomon.

O destaque de hoje (23) foi o painel dedicado a políticas públicas. A diretora do Departamento de Gás Natural do Ministério de Minas e Energia, Symone Araújo, falou sobre as perspectivas de oferta de gás natural no Brasile o diretor de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), José Mauro Coelho, apresentou o tema "inserção do GNV na matriz da mobilidade urbana. A diretora  técnica do Instituto Saúde e Sustentabilidade, Evangelina Vormittag, explicou os benefícios do uso do GNV para a Saúde Pública. Staffan Filipsson, coordenador do projeto INSPIREWATER Horizon2020 da UE, falou sobre a experiência da Suécia na implantação do gás renovável para o transporte público.

Sobre O Tema a "Inserção do Gás Natural na Matriz da Mobilidade Urbana apresentado por José Mauro Ferreira Coelho, Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis da Empresa de Pesquisa Energética - EPE,  você pode você pode obter a apresentação realizada clicando neste link

O evento contou com o apoio da Associação Brasileira de Biogás e Biometano (Abiogás) e Cámara Oficial Española de Comercio en Brasil

DsnP7pAXgAM_U46.jpg

Foto: Divulgação do evento

Notícias Relacionadas

EPE publica Nota técnica de Projeções de Preço do Petróleo

10/12/2019 - O potencial da província petrolífera do Pré-sal confere ao Brasil um protagonismo mundial na exploração e produção de petróleo e gás natural em ambiente offshore. Com as expectativas de crescimento da produção nacional de hidrocarbonetos para a próxima década, há oportunidade para o Brasil se posicionar entre os cinco maiores produtores e exportadores de petróleo do mundo.

EPE lança o Fact Sheet “A Química do C1"

09/12/2019 - A EPE lança o Fact Sheet “A QUÍMICA DO C1” que compila os dois temas abordados nos Informes Técnicos da série "Competitividade do Gás Natural”: estudo de caso na indústria de fertilizantes nitrogenados e de metanol.

Iniciamos a Transmissão ao Vivo do Seminário EPE: Petróleo, Gás e Biocombustíveis – Cenário Decenal

05/12/2019 - Já iniciamos a transmissão ao vivo do Seminário EPE: Petróleo, Gás e Biocombustíveis – Cenário Decenal, participe conosco!

EPE apresenta Seminário de Petróleo, Gás e Biocombustíveis

05/12/2019 - Aconteceu nesta quinta-feira, 5, o seminário de Petróleo, Gás e Biocombustíveis na sede da EPE, no Rio de Janeiro. O objetivo foi apresentar o cenário decenal do setor. A mesa de abertura foi composta com o presidente da EPE, Thiago Barral, com o diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, José Mauro Coelho, com o secretário-executivo adjunto do MME, Bruno Eustáquio, e com o diretor-presidente da Pré-Sal Petróleo S.A., Eduardo Gerk.

EPE, ONS e CCEE divulgam projeção da carga para o período de 2020 a 2024

05/12/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética – EPE, o Operador Nacional do Setor Elétrico – ONS e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE divulgaram os dados da Previsão de carga para o Planejamento Anual da Operação Energética - Ciclo 2020 (2020-2024). Para o período 2020-2024, a previsão é de um crescimento médio da carga de 3,7% por ano.