EPE participa de fórum global sobre energia limpa

O encontro promovido pela Clean Energy Ministerial (CEM) e pela Mission Innovation (MI) aconteceu de 27 a 29 de maio em Vancouver, Canadá. O presidente da EPE, Thiago Barral, representou o Brasil e liderou a delegação pelo segundo ano consecutivo das reuniões.

Ele realizou uma apresentação sobre as iniciativas do País na área de energia limpa e sobre como os atores do governo, da academia e da indústria estão se mobilizando para promover uma transição energética no Brasil. "Fomos recebidos pelo ministro canadense de recursos naturais Amarjeet Sohi e com uma mensagem de apoio do primeiro-ministro Justin Trudeau".

O evento, denominado CEM10/MI-4, é um forum internacional dos mais relevantes da atualidade na discussão e formulação de políticas orientadas ao desenvolvimento de energias limpas. Tem como objetivo proporcionar a troca de experiências na promoção do uso de energias limpas entre líderes governamentais, representantes da indústria e de organizações não governamentais, pesquisadores e investidores de mais de 20 nações.

Barral destaca que "a representação feminina esteve em alta na delegação brasileira. Tivemos a Clarissa Forecchi (Itamaraty), extremamente dedicada e competente, a Bárbara Bressan Rocha (CGEE), que hoje coordena um importante trabalho sobre investimentos em inovação na área de energias sustentáveis, a Elbia Gannoum, que recebeu prêmio pelo seu destaque como liderança feminina no desenvolvimento das energias limpas, numa das sessões mais concorridas do evento. Na energia nuclear, Alice Cunha da Silva da Westinghouse marcou presença nas discussões. E entre os três Youth Leaders brasileiros na área de energia, duas mulheres foram selecionadas."

canada1.jpg


Notícias Relacionadas

EPE, ONS e ANEEL divulgam Nota Técnica com Margens de Capacidade para Escoamento de Energia Elétrica para o Leilão de Energia Nova A-4 de 2020.

27/03/2020 - A Empresa de Pesquisa Energética - EPE divulga a Nota Técnica 25/2020, do Operador Nacional do Sistema (ONS), contendo os quantitativos da capacidade de escoamento de energia elétrica de todos os barramentos da Rede Básica, DIT (Demais Instalações de Transmissão) e ICG (Instalações Compartilhadas de Geração) indicados pelos empreendedores no Sistema AEGE no ato do cadastramento do Leilão de Energia Nova A-4 de 2020.

Impactado pela Covid-19, consumo de energia deve cair 0,9% em 2020

27/03/2020 - A Empresa de Pesquisa Energética – EPE, em conjunto com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE e o Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS, divulga nesta sexta-feira, os dados da 1ª Revisão Quadrimestral de Carga de 2020 para o Planejamento Anual da Operação Energética – período 2020-2024. Impactado pelas medidas de contenção da Covid-19, o consumo de energia elétrica deve cair 0,9% no ano. A previsão anterior era crescer 4,2%.

Avaliação dos Benefícios Econômicos da Antecipação da Interligação dos Sistemas Isolados do Pará

27/03/2020 - A EPE publica estudo comparativo entre os custos de suprimento a 12 sistemas isoladas do Pará, avaliando os custos da geração local por termelétricas a diesel versus os custos da interligação dessas localidades ao SIN, por meio de redes de distribuição. A análise foi realizada com base na redução dos dispêndios futuros da Conta de Consumo de Combustíveis – CCC.

EPE publica Boletim Anual de Transmissão 2019

26/03/2020 - A EPE realizou análises técnico-econômicas e socioambientais que resultaram na recomendação de diversos novos empreendimentos de transmissão de eletricidade. Essas instalações irão agregar maior confiabilidade ao Sistema Interligado Nacional, aumentando a qualidade no atendimento elétrico aos consumidores brasileiros

Estudo sobre o Aproveitamento do Gás Natural do Pré Sal.

25/03/2020 - A publicação tem como foco o aumento do aproveitamento e da participação do gás natural do Pré-Sal na matriz energética do país, em linha com as diretrizes estabelecidas nas Resoluções nºs 10/2016, 17/2017 e 16/2019 do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), assim como as diretrizes estabelecidas no Programa Novo Mercado de Gás.