EPE lança o Informe Técnico - Competitividade do Gás Natural: Estudo de Caso na Indústria de Fertilizantes Nitrogenados

O Informe Técnico "Competitividade do Gás Natural: Estudo de Caso na Indústria de Fertilizantes Nitrogenados" é primeiro documento de uma série, que tem por objetivo avaliar o potencial de entrada de novas unidades industriais intensivas em gás natural.

Em linha com o "Novo Mercado de Gás", este estudo tem como objetivo ampliar as discussões relativas aos condicionantes para a atratividade de investimentos em segmentos industriais intensivos em gás natural. A implementação de medidas desenvolvidas no âmbito do "Novo Mercado de Gás", assim como as  perspectivas de oferta adicional de gás natural do pré-sal e da Bacia de Sergipe-Alagoas, deve aumentar a competitividade do gás natural no Brasil.

Clique aqui para mais informações e acesse o informe completo

Notícias Relacionadas

EPE supera expectativas com a Rio Pipeline 2019

11/09/2019 - A presença da EPE com estande nos três dias de evento da Rio Pipeline 2019 deixou um legado: destacar a relevância de estudos promissores para o setor.

EPE divulga primeira edição do Plano Indicativo de Gasodutos (PIG) na Rio Pipeline

06/09/2019 - O Plano Indicativo de Gasodutos (PIG) da EPE foi divulgado na plenária do último dia (5) da Rio Pipeline 2019. O evento foi uma oportunidade à EPE promover pesquisas que são fundamentais para o novo mercado do gás e para os investimentos no segmento dutoviário.

EPE inaugura estande na Rio Pipeline 2019

04/09/2019 - Teve início nesta terça (3) a maior feira do segmento de dutos do Brasil, a Rio Pipenline 2019. O evento sediado no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro, que acontece até o dia 5 de setembro, teve a participação da EPE com estande para divulgar os recentes estudos realizados no setor de transporte de óleo e gás.

EPE disponibiliza Informe Técnico sobre Preços de Referência dos CombustíveiLeilão de Energia Existente A-2 de 2019

30/08/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética disponibiliza, no link abaixo, o Informe Técnico com as referências de preços de combustíveis para o Leilão de Energia Existente A-2 de 2019.

Resenha Mensal: a demanda nacional apresentou retração de 0,4% em relação a julho de 2018.

30/08/2019 - demanda nacional de eletricidade totalizou 38.265 GWh em julho, representando retração de 0,4% em relação ao mesmo mês de 2018. Entre as regiões, o resultado negativo do Sudeste (-2,7%) puxou o desempenho do país. O maior avanço no consumo de energia elétrica no mês foi na região Norte (+6,1%), sobretudo em função da retomada gradual da metalurgia paraense (setor eletrointensivo). Centro-Oeste (+2,1%) e Nordeste (+2,4%) também exibiram resultados positivos em julho.